Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 20 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Internacional

CORRIGIR

reino unido

Alterada em 20/01 às 12h54min

Macron diz que Reino Unido não pode manter acesso à UE se não aceitar regras

O presidente da França, Emmanuel Macron, reforçou o alerta ao Reino Unido de que o país não poderá manter acesso ao mercado único da União Europeia (UE) se não aceitar os princípios fundadores do bloco, que incluem o tráfego livre de pessoas e a jurisdição dos tribunais da UE.
Em entrevista à BBC, Macron disse que o Reino Unido irá, sem dúvidas, negociar uma relação única com a UE antes de deixar o bloco no ano que vem, mas ressaltou que qualquer acordo terá de ser consistente com as regras da UE.
Os comentários enfraquecem a posição de alguns apoiadores do Brexit que querem retomar o controle sobre a imigração no Reino Unido e evitar os tribunais europeus enquanto mantêm acesso ao mercado único. 
 
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia