Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 05 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Tênis

Alterada em 05/01 às 13h46min

Serena Williams anuncia que não disputará o Aberto da Austrália

Aos 36 anos, Serena tenta recuperar forma física após se tornar mãe em setembro

Aos 36 anos, Serena tenta recuperar forma física após se tornar mãe em setembro


Roberto SCHMIDT/ AFP/ARQUIVO/JC
Sete vezes campeã e atual detentora do título, a tenista norte-americana Serena Williams está fora do Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam do ano, que tem início no próximo dia 15, em Melbourne. O anúncio foi feito pela própria organização do torneio nesta sexta-feira (5). "Depois de competir em Abu Dhabi percebi que apesar de estar muito próxima, ainda não estou onde pessoalmente quero estar", afirmou a tenista dos Estados Unidos por intermédio de um comunicado.
"O meu treinador e a minha equipe sempre disseram 'você só poderá jogar quando estiver em totais condições'. Já posso competir, mas não quero só competir, quero fazer bem mais do que isso e para tal preciso de mais um pouco de tempo."
Serena, de 36 anos, tenta recuperar a melhor forma física, após se tornar mãe em setembro. Ela retomou as atividades em quadra nas últimas semanas do ano e até participou de uma exibição em Abu Dhabi, na qual foi derrotada pela letã Jelena Ostapenko por 2 sets a 1, nos Emirados Árabes Unidos, no dia 30 de dezembro.
Mesmo exibindo grande disposição e preparo físico, a norte-americana mostrou falta de ritmo de jogo e demorou para "entrar" naquela partida. Sua meta era fazer o retorno oficial ao circuito em Melbourne, onde estava inscrita.
Com sua desistência, aumenta a lista de baixas no primeiro Grand Slam do ano. Nos últimos dias, o escocês Andy Murray e o japonês Kei Nishikori, ambos por causa de lesão, também anunciaram que não jogariam em quadras australianas. O sérvio Novak Djokovic, que perdeu parte da temporada passada em razão de problema físico, ainda é dúvida para o Aberto da Austrália.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia