Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 18 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Notícia da edição impressa de 19/01/2018. Alterada em 18/01 às 22h05min

De volta ao passado I

THISSENKRUPP/DIVULGAÇÃO/JC
O dia 16 passado marcou os 125 anos da entrada em operação da primeira escada rolante do mundo. O elevador inclinado foi instalado em Nova Iorque (o da foto é de 1903). No Brasil, a maior escada rolante é da thyssenkrupp e está em operação no metrô de São Paulo, na estação da República. Subir e descer escadas é mais um exercício físico que foi abandonado pelo conforto desse meio de transporte pessoal.

De volta ao passado II


LUIZA PRADO/JC
A primeira escada rolante do Rio Grande do Sul foi instalada no final dos anos 1950 no novo prédio do Banco da Província (hoje Santander), na esquina das ruas Sete de Setembro com Uruguai. Na época, os bancos construíam sedes opulentas para transmitir solidez. No Província, tinha até ar-condicionado central, o que não era muito comum na época. Para distribuir correspondência interna, o prédio dispunha de tubos pneumáticos.
 

Historinha de sexta

Certa vez, o famoso Restaurante Dona Maria, na rua José Montaury, naufragou. O dono era o austríaco Ernesto Moser, que deu com os costados na Capital nos anos 1940 e casou com a filha da Dona Maria. Em 1974, um incêndio o destruiu parcialmente, mas reviveu com glória tal qual a ave Fênix da mitologia.
Poucos meses depois da reabertura caiu um toró daqueles, inundando o restaurante. Um freguês, um médico cearense, veio lá do fundo em direção à mesa onde estava Moser - quando caminhava ouvia-se schlap schlap dos sapatos afogados. Parou na frente do seu Ernesto e apontou o dedo inquisidor.
Então, seu Ernesto, agora não pega mais fogo, vai a pique?

Transtornos

Vai ser uma semaninha complicada para a mobilidade urbana. Com grande parte da área central fechada para o trânsito, haverá consequente desvio dos carros para outras ruas. Isso sem contar com as manifestações em outras partes da cidade, como a avenida Goethe. Um transtorno e tanto para os civis.

O Brasil na feira

O governo do Estado tem se esforçado em dar visibilidade às 27 regiões turísticas que representam 371 municípios turísticos gaúchos no principal encontro mundial de negócios de turismo em Madri, a 38ª Feira Internacional de Turismo (Fitur). A parceria com o trade turístico começa a dar resultados, informa da Espanha o diretor de Turismo da Secretaria da Cultura e Turismo, Abdon Barretto Filho.

Fim da calmaria

Bem calmo até o dia 15 de janeiro, o trânsito na Capital teve sensível aumento de fluxo de veículos no dia seguinte. Permite supor que muita gente voltou de férias - ou de duas semanas a partir do 1 de janeiro, ou de 30 dias a partir do dia 15 de dezembro. Neste caso, para fugir da loucura natalina.

Regado a cerveja

Tubulações gigantes estão sendo vistas na freeway e na Estrada do Mar desde o último sábado. Com cerca de 15 metros de comprimento e dois de altura, as estruturas estão com a logomarca da cerveja Skol. Algumas pessoas estão questionando o que seriam essas estruturas nas redes sociais. Segundo a cervejaria, as tubulações fazem parte de uma ação surpresa envolvendo os blocos do Carnaval de rua de Porto Alegre.

Bento cresce

O município de Bento Gonçalves recebeu, no ano passado, 804 novas empresas, registrando um crescimento de 27% em relação a 2016. A prefeitura tem estimulado o empreendedorismo, criando formas de desburocratizar os processos e de apoiar o novo empresário, tornando o ambiente mais atrativo para quem quer se instalar na cidade.

Miúdas

  • REGIÃO das ilhas da BR-290 terá alguns bloqueios a partir de hoje para obras da segunda ponte.
  • TOMARA que nas manifestações petistas de quarta-feira não inventem de bloquear o acesso a Porto Alegre na ponte.
  • COM tanta gente pró e contra Lula a partir de terça-feira, é só o que faltava piorar a situação.
  • CHUVA das 16h de quinta caiu às 17h. Igual a novela. Sempre começa atrasada.
  • DE Winston Churchill: "Em uma guerra, a verdade é tão preciosa que ela deveria ser sempre acompanhada de mentiras como guarda-costas".
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia