Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 27 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Rússia 2018

Notícia da edição impressa de 28/12/2017. Alterada em 27/12 às 22h30min

Vitaly Mutko renuncia à presidência do Comitê Organizador da Copa

Alvo de denúncias de participação no programa de doping no esporte russo, Vitaly Mutko, o vice-primeiro-ministro do país, anunciou ontem a sua renúncia à presidência do Comitê Organizador da Copa de 2018. À imprensa, Mutko explicou que será substituído por Alexei Sorokin, que já fazia parte do comitê. Assim, será o responsável por representar a Rússia nas conversações com a Fifa.
Investigadores da Agência Mundial Antidoping (Wada) e do Comitê Olímpico Internacional (COI) denunciaram que Mutko, ministro do Esportes da Rússia durante os Jogos de Inverno de Sochi, em 2014, participou de um programa de doping com apoio estatal para os atletas do país no evento. Ele rechaçou as acusações, que impedirão os esportistas russos de competir defendendo a bandeira do país nos Jogos de Inverno de PyeongChang, na Coreia do Sul, em 2018, por causa da sanção aplicada pelo COI.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia