Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 03 de novembro de 2017.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Imóveis

03/11/2017 - 12h30min. Alterada em 03/11 às 12h47min

Porto Alegre tem leve alta nos preços de imóveis à venda em outubro

No ano, a Capital tem recuo ainda de 0,23% nos preços, mas alta de 0,18% em 12 meses

No ano, a Capital tem recuo ainda de 0,23% nos preços, mas alta de 0,18% em 12 meses


LOTTICI/DIVULGAÇÃO/JC
O Índice Fipe/Zap do mercado de imóveis à venda apontou elevação de preços na oferta em Porto Alegre em outubro. Os valores subiram 0,45%. Em setembro, as unidades tinham registrado queda, em média, de 0,29% nos preços. Já na média das 20 cidades pesquisadas - entre elas 12 capitais - pelo indicador ocorre uma estabilidade, sem elevação ou queda no mês passado. Em 12 meses, a queda é de 0,37% e, no ano, de 0,56% no panorama geral medido pelo Fipe/Zap. Na Capital gaúcha, o ano apresenta recuo ainda, de 0,23%, mas alta em 12 meses, que ficou em 0,18%.
O bairro com maior preço médio por metro quadrado é o Três Figueiras, com valor médio de R$ 10.078,00 pelo metro quadrado. Depois vem, os bairros Bela Vista (R$ 8.310,00), Moinhos de vento (R$ 8.224,00), Mont'Serrat (R$ 7.278,00) e Praia de Belas (R$ 7.157,00). Já entre os mais baratos, lidera Restinga (R$ 2.744,00), Lomba do Pinheiro (R$ 3.276,00) e Rubem Berta (R$ 3.313,00).

> Onde estão os imóveis com metro quadrado mais alto e mais baixo em Porto Alegre:

{'nm_midia_inter_thumb1':'http://jcrs.uol.com.br/_midias/jpg/2017/11/03/206x137/1_poa-1669245.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'59fc80fa3eaa5', 'cd_midia':1669245, 'ds_midia_link': 'http://jcrs.uol.com.br/_midias/jpg/2017/11/03/poa-1669245.jpg', 'ds_midia': 'Índice Fipe/Zap de outubro de 2017 para Porto  Alegre - bairros com imóveis com valor maior e menor por metro quadrado ', 'ds_midia_credi': 'Fipe/Zap/Divulgação/JC', 'ds_midia_titlo': 'Índice Fipe/Zap de outubro de 2017 para Porto  Alegre - bairros com imóveis com valor maior e menor por metro quadrado ', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '395', 'align': 'Left'}
O preço médio das mais de 82,5 mil unidades anunciadas em sites de corretoras e outros canais de ofertas em Porto Alegre ficou em R$ 5.657,00 por metro quadrado em outubro. 
No panorama geral, o Fipe/Zap confronta com indicadores como o IPCA, do IBGE, e indica que a inflação está maior que a média de variação dos valores. O IPCA é projetado em 0,47% para outubro - balizado pelo relatório Focus, do Banco Central. A estabilidade em preços no mês é influenciada pela variação de preços no Rio de Janeiro, em Fortaleza e Niterói. Rio de Janeiro lidera em valores por metro quadrado, com o mais caro, em R$ 9.871,00. Depois vem São Paulo (R$ 8.728,00) e Distrito Federal (R$ 8.255,00). 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia