Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 16 de outubro de 2017. Atualizado às 21h56.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

crise no planalto

Notícia da edição impressa de 17/10/2017. Alterada em 16/10 às 21h07min

Apoio a governo militar é maior do que a média mundial, diz pesquisa

A parcela de brasileiros que apoia pelo menos uma forma de governo "não democrática" e que mostra simpatia por militares no poder é maior do que a média global, segundo pesquisa do Centro de Pesquisas Pew (dos EUA), em 38 países e publicado ontem.
De acordo com o levantamento, 23% dos entrevistados no Brasil dizem não gostar da democracia representativa e apoiam ao menos uma das três formas de governo: tecnocrático, militar ou com um "líder forte". Nos 38 países, a média é de 13%, com 23% dizendo descartar formas de governo "não democráticas".
Quando a pergunta é feita sobre um governo militar, 38% dizem que a opção seria boa no Brasil, contra 55% que se opõem. A média nos demais países é de 24% de apoio. O levantamento foi feito com 41.593 pessoas em 38 países de cinco continentes. No Brasil, foram entrevistadas 1.008 pessoas, entre março e abril.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia