Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 06 de novembro de 2017.

Jornal do Comércio

Opinião

COMENTAR | CORRIGIR

artigo

Notícia da edição impressa de 27/10/2017. Alterada em 26/10 às 21h16min

Orgulho por ser servidor público

Abel Henrique Ferreira
Neste sábado, comemoramos o Dia do Servidor Público. Os serviços prestados pelo Estado são feitos por pessoas que se submeteram a um concurso público e foram treinadas para atender aos cidadãos que contribuem com impostos para que o Estado possa devolver esses recursos com investimentos em saúde, educação e segurança. O servidor público precisa ser qualificado e valorizado para que possa cumprir e executar as suas atividades. Mas não é isso que vem ocorrendo. Atualmente, os servidores não recebem a sua remuneração em dia, não recebem reajustes salariais como previsto na Constituição Federal, e ainda, vêm sofrendo reduções em seus direitos.
O servidor perdeu direito à aposentadoria com paridade e integralidade e a alíquota de contribuição para a previdência social é a maior, 14%. Além disso, no Rio Grande do Sul, o governo encaminhou à Assembleia Legislativa projetos de lei que retiram outros benefícios tais como: adicionais de tempo de serviço, licença prêmio, contagem integral por tempo de serviço público para todos os efeitos, recebimento da remuneração até o último dia útil do mês, recebimento do 13º salário até o dia 20 de dezembro.
Em nível federal, foi aprovada a lei que altera a estabilidade do servidor público, mas não foi criado, em contrapartida, o direito ao FGTS, como todo trabalhador da iniciativa privada possui. Tramita, ainda, no Congresso Nacional, a PEC que altera a idade para aposentadoria e prazo de tempo de contribuição previdenciária para as aposentadorias do servidor público.
Existem forças "ocultas" em nível estadual e federal com o objetivo de destruir o serviço público. Precisamos tratar o servidor com respeito e dignidade. Apesar de tudo, parabéns servidores públicos. Não esmoreça! Vamos seguir na luta. Vamos comemorar e nos orgulhar por sermos servidores públicos.
Auditor-fiscal e presidente da Afisvec
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Alvaro Kniestedt 06/11/2017 17h51min
Parabéns aos Servidores Públicos. De fato, paira no ar algo oculto, que tem o objetivo de denegrir a imagem do Trabalhador do setor público. O pior é que não há um processo de esclarecimento do papel do Servidor. Não há interesse em aprofundar o tema. Quanto mais rasa a discussão mais perde a sociedade.