Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 31 de outubro de 2017.

Jornal do Comércio

Internacional

CORRIGIR

Espanha

Alterada em 31/10 às 11h44min

Tribunal Constitucional suspende votação legislativa de independência catalã

O Tribunal Constitucional da Espanha suspendeu a votação de independência celebrada na última sexta-feira no agora dissolvido Parlamento da Catalunha, enquanto estuda a legalidade do processo. A decisão da terça-feira (31) responde a uma apelação apresentada ante o alto tribunal pelos legisladores catalães contrários à votação.
A declaração de independência, boicotada pela oposição na Câmara, foi aprovada por 70 votos a favor e 10 contra. O Parlamento tem 135 cadeiras.
Segundo a Constituição da Espanha, aprovada em 1978, a unidade do país é "indissolúvel". Diante disso, o tribunal se pronunciou contra qualquer iniciativa a favor da separação catalã.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia