Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 30 de outubro de 2017.

Jornal do Comércio

Internacional

CORRIGIR

Espanha

Alterada em 30/10 às 12h38min

Partido separatista da Catalunha aceita disputar eleições convocadas por Madri

O partido PDeCat, do então presidente da Catalunha destituído, Carles Puigdemont, anunciou que irá participar das eleições regionais convocadas para o dia 21 de dezembro pelo governo central do país.
A porta-voz do partido, Marta Pascal afirmou que "iremos às urnas, com convicção, e desejamos profundamente que a sociedade catalã possa se expressar".
Na sexta-feira, a Catalunha proclamou independência no Parlamento, o que provocou a intervenção do governo central da Espanha na região.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia