Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 26 de outubro de 2017.

Jornal do Comércio

Economia

CORRIGIR

Contas Públicas

Alterada em 26/10 às 11h32min

Dívida externa estimada é de US$ 320,686 bi em setembro, mostra BC

A estimativa do Banco Central para a dívida externa brasileira em setembro é de US$ 320,686 bilhões. Segundo a instituição, que divulgou nesta quinta-feira (26) a Nota do Setor Externo à imprensa, o ano de 2016 terminou com uma dívida de US$ 326,297 bilhões.
A dívida externa de longo prazo atingiu US$ 260,850 bilhões em setembro, enquanto o estoque de curto prazo ficou em US$ 59,835 bilhões no fim do mês passado, segundo as estimativas do BC.
De acordo com a instituição, merecem destaques na dívida externa de longo prazo entre agosto e setembro elevações decorrentes de desembolsos de títulos (US$ 2 bilhões), a variação cambial (US$ 796 milhões) e a variação de preços dos títulos da dívida do governo geral (US$ 1 bilhão).
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia