Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 21 de agosto de 2017. Atualizado às 23h01.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Operação Lava Jato

Notícia da edição impressa de 22/08/2017. Alterada em 21/08 às 21h47min

Moro condena Renato Duque em ação que investiga cartel

O ex-diretor da Petrobras Renato Duque foi condenado pelo crime de corrupção passiva em ação que investiga a empreiteira Andrade Gutierrez. O juiz Sérgio Moro definiu como pena 10 anos de reclusão, mas admitiu a progressão de regime após cinco anos, porque Duque negocia colaboração com a Justiça.
De acordo com a denúncia, a Andrade Gutierrez e outras empreiteiras teriam formado um cartel, por meio do qual fraudaram licitações da Petrobras para a contratação de grandes obras. Também foram condenados os ex-executivos da Andrade Antônio Pedro Campello de Souza Dias, Elton Negrão de Azevedo Júnior, Flávio Gomes Machado Filho e Paulo Roberto Dalmazzo.
Foi suspenso o trâmite da ação penal em relação aos acusados Alberto Youssef, Fernando Antônio Falcão Soares, Mário Frederico Mendonça Goes, Otávio Marques de Azevedo, Paulo Roberto Costa e Pedro José Barusco Filho devido a acordo de delação.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia