Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 29 de agosto de 2017. Atualizado às 23h18.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Notícia da edição impressa de 30/08/2017. Alterada em 29/08 às 21h29min

Pode que sim, pode que não...

GUSTAVO ROTH/FUNDAÇÃO PIRATINI/DIVULGAÇÃO/JC
Durante a gravação do programa Frente a Frente, da TVE, com o governador José Ivo Sartori (PMDB), ontem, na Expointer, foi lhe perguntado se é ou não candidato à reeleição. De forma bem sartoriana, disse que não pode dizer que é, nem que não é. Tradução: é. Participaram da entrevista Pedro Maciel (editor-chefe do Jornal do Comércio), Telmo Flor (editor-chefe do Correio do Povo) e Nilson Vargas (editor-chefe de Zero Hora). O programa vai ao ar amanhã, às 23h, com reprise domingo, às 15h30min.

Empregos em perigo

A substituição da mão de obra humana pela tecnológica é uma realidade. Pesquisa da PwC, Workforce of the Future, projeta o cenário até 2030 e, desde já, 37% das pessoas temem que a automação coloque em risco os seus empregos, e 60% acreditam que poucos terão ocupações estáveis no futuro. O brabo é ter um pedaço de metal com memória seletiva como patrão.

Elogio à prefeitura

Leitor que cobrou da Secretaria de Infraestrutura de Porto Alegre o asfaltamento da esburacada rua São Nicolau, no bairro Maria Goreti, elogia o gabinete do secretário, que deu pronta resposta à demanda por duas vezes. A rua não foi recapeada ainda porque o Dmae fará grande obra na área, explicou a secretaria.

Homenagem ao doutor


NILSON WINTER/DIVULGAÇÃO/JC
Primeiro oncologista clínico do Rio Grande do Sul e fundador da Oncologia Centenário, referência no tratamento de câncer, o médico Adalberto Broecker Neto, nascido em Carazinho, será homenageado às 18h de hoje pela Câmara de Vereadores de São Leopoldo com o título de Cidadão Leopoldense, proposição do vereador Júlio Galperim (PSD). Basta mencioná-lo que logo se ouve "cuidou do meu avô" ou "cuidou de minha mãe" e outras referências familiares.
 

Palestra suíça

O diretor e professor da Divisão de Medicina Nuclear do Hospital Universitário de Zurique e presidente da Sociedade Europeia de Ressonância Magnética, médico Gustav von Shulthess, fará, dia 1 de setembro, às 11h, uma palestra no Hospital Mãe de Deus, aberta aos médicos, sobre Pet-CT em oncologia.

Parada dura

O prefeito da Capital, Nelson Marchezan Júnior (PSDB), vai ter que enfrentar o trio parada dura na colenda. Os vereadores André Carús (PMDB), Paulinho Motorista (PSB) e Fernanda Melchionna (PSOL) lideram a Frente Parlamentar em Defesa do Meio Passe, presidida por Carús, com reuniões já marcadas com estudantes. Todos devem saber que, de isenção em isenção, a tarifa vai inchando, então a cidade vai ter que optar.

E o Oscar vai para...

Está na hora de criar uma premiação para cases de empresas e órgãos públicos, mas cases de fracasso. Um capítulo certamente deve contar a estrondosa trajetória de fracasso da Companhia Carris, que vive de mesada da prefeitura da Capital e não conseguiu mais se aprumar. Deve ser Top 10 do certame. Explica em parte por que tudo que o governo toca vira chumbo.

Sustentabilidade no bolso

O Condomínio Residencial Monterey, de Caxias do Sul, uniu o útil ao agradável. Preserva o patrimônio ambiental, como as araucárias, e planta 5 mil mudas de árvores nativas e frutíferas. A irrigação é automatizada de acordo com as condições climáticas. Tudo junto incluído, o valor do condomínio é 40% menor do que o de empreendimentos concorrentes.

Uma Casa da Mãe Joana...

Quem mourejou na reportagem policial aprende a perceber rápida e precisamente quando uma história está mal contada. Caso do decreto, revogado, mas, ao fim e ao cabo, não revogado, que entrega a mineradoras canadenses uma reserva na Amazônia com quase 50 mil quilômetros quadrados. Sabe-se agora que as mineradoras sabiam há meses que receberiam essa benesse, dando-lhes alforria para destruir florestas intocadas.

...na floresta amazônica

Ora, isso não é como derrubar um matinho na esquina do bairro. Quem as avisou? E quem assoprou no ouvido dos ministros da área e do presidente Michel Temer (PMDB) que o malfadado decreto destruiria uma área desse tamanho? Ou será que o presidente não sabe o que significa quilômetros quadrados? Perguntas sem respostas. Quanto às mineradoras, bem, elas cuidam bem do quintal do Canadá, mas os dos outros que se explodam.

Miúdas

  • NOVO vice-presidente da Câmara, o deputado André Fufuca (PMDB-MA), o Fuquinha, dá os ares de um fusquinha.
  • RESTA saber se o parlamentar maranhense é tão confiável quanto o velho fusca de guerra.
  • SAFRA de grãos no Estado será 10% menor. Bom para os produtores, porque o preço sempre cai numa supersafra.
  • PERGUNTEM a um lojista como vai o negócio. Na melhor das hipóteses, a palma da mão estendida faz "mais ou menos".
  • PERGUNTEM para um assaltante como vai o negócio, e ele levantará o polegar para cima.
  • RICOS, podres de ricos é o livro que Antonio David Cattani, professor de Sociologia da Ufrgs, lança hoje/19h, na Ecarta.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia