Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 13 de julho de 2017. Atualizado às 00h11.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Notícia da edição impressa de 13/07/2017. Alterada em 12/07 às 21h34min

Santa visita

GABRIELA DA SILVA/DIVULGAÇÃO/JC
Quem circulou pelo Largo Glênio Peres na quarta-feira notou uma presença diferente na área central. A imagem de Nossa Senhora Aparecida permaneceu no local até o final da tarde depois de ter sido levada em procissão até lá. Como 2017 é o ano Marista, os religiosos percorreram diversos pontos da Capital e chegaram ao Mercado Público para que a santa pudesse abençoar o tradicional prédio histórico.

Forças terríveis...

Esperava-se que o ex-presidente Lula (PT) fosse condenado cedo ou tarde, mas também esperava-se e ainda se espera alguma reviravolta no tapetão. Ele terá tempo, porque pode recorrer em liberdade. O notável da sentença do juiz Sérgio Moro é que ele disse que foi "intimidado" e por "prudência" não decretou sua prisão, embora a tenha cogitado. Pode-se imaginar a pressão além da conta que Moro deve ter sofrido.

...e forças ocultas

Lembra o episódio da renúncia do presidente Jânio Quadros, em 1961. Na sua despedida, falou que foi vítima de "forças terríveis" enquanto governava. Por uma dessas confusões inexplicáveis da imprensa, esta parte da carta-renúncia foi mudada para "forças ocultas". Até hoje, há quem faça essa confusão. Quem escreveu "forças ocultas" foi Getulio Vargas na sua despedida antes do suicídio, em 1954.

As águas do moinho

De tédio é que não se morre neste País, repetia o professor Joaquim José Felizardo, que deu nome ao museu. Os mares já estavam revoltos há muito tempo e agora registra-se um sismo de grau 9 na Escala Richter e um tsunami na legislação trabalhista. Se bem que ainda tem muita água para passar por baixo do moinho.

Ó que delícia de quentinha

Se encararmos a "Ocupação das Marmitas" no Senado pelo lado de que nada neste País é levado a sério, no próximo episódio suas excelências protestantes poderiam levar um réchaud ou uma grelha pequena para assar uma carninha ali mesmo. Não faltariam patrocinadores porque a TV garante a audiência. Quem sabe a JBS encara essa.

O Centro explica

Durante a Feira do Varejo, aberta ontem no BarraShoppingSul, o prefeito da Capital, Nelson Marchezan Júnior (PSDB), não teve muitos lojistas a cercá-lo. Em cerimônias ou eventos, lideranças empresariais do comércio têm dito que estão "um pouco" desapontadas com Marchezan. O Centro Histórico explica.

Busca de diálogo

Entre as metas do novo presidente da Famurs, Salmo Dias (PP), está a busca do diálogo com integrantes do Ministério Público e do Poder Judiciário. O propósito da entidade, que representa os 497 municípios do Rio Grande do Sul, é sensibilizar os membros dos órgãos de fiscalização sobre as crescentes dificuldades enfrentadas pelos prefeitos que governam as cidades gaúchas.

Torre Eiffel no Bom Fim

André Motta proprietário da La Croissanterie, café especializado em croissant.

André Motta proprietário da La Croissanterie, café especializado em croissant.


CLAITON DORNELLES /JC
Chama a atenção de quem passa pela rua Ramiro Barcelos uma mini Torre Eiffel, em frente a um casarão restaurado. É a sede da La Croissanterie, novo café do bairro Bom Fim, com temática francesa. Aliás, é comum ouvir gente falando francês por lá. Matéria no caderno GeraçãoE, encartado nesta edição.
 

Terra à vista!

O governo da Austrália investe US$ 3,7 bilhões em portos, rodovias, aeroportos e ferrovias para atrair investidores brasileiros do agronegócio nos estados de Queensland, Western Australia e Northem Territory - a compra de terras é liberada para lavouras e criação de gado. São 17 milhões de hectares de solo agriculturável. Os interessados podem entrar em contato pelo site: https://www.austrade.gov.au/Local-Sites/Brazil.
 

Miúdas

  • PRIMEIRA reação da militância petista foi de incredulidade. Afinal, Lula é considerado uma divindade.
  • AO saber da condenação, gregos e troianos tiveram a mesma reação verbal: "Não acredito!"
  • CONDENAÇÃO de Lula piora as chances do presidente Michel Temer (PMDB), caso ele seja afastado.
  • NÃO faz muito, a consultoria de análise de risco político Eurasia dava 60% a 40% as chances de Temer terminar o mandato.
  • OTIMISMO bursátil e cambial se deve ao fato de as chances de Lula diminuírem para 2018.
  • PREPARAI-VOS, povo trabalhador, especialmente do Centro Histórico. Hoje tem frege no pedaço a partir das 16h.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia