Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 07 de junho de 2017. Atualizado às 20h26.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

ciência

Alterada em 07/06 às 20h27min

Cientistas acham no Ceará fóssil de cogumelo mais antigo do mundo

Cientistas da Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, encontraram no Estado brasileiro do Ceará o fóssil de cogumelo mais antigo do mundo. O achado foi descrito pelos cientistas em um artigo publicado nesta quarta-feira (7), na revista científica Plos One.
O cogumelo viveu há cerca de 115 milhões de anos - quando o supercontinente Gondwana estava se separando - e foi encontrado em uma formação calcária na Chapada do Araripe. Antes da descoberta, os cogumelos fósseis mais antigos encontrados até então haviam sido preservados em âmbar.
Segundo um informe da Universidade de Illinois, divulgado nesta quarta, o cogumelo tinha 5 centímetros de altura e foi batizado de Gondwanagaricites magnificus.
"A maior parte dos cogumelos cresce e desaparece em poucos dias", disse Sam Heads, paleontólogo da Universidade de Illinois ao site da instituição. Heads descobriu o cogumelo quando digitaliza uma coleção de fósseis da região. "O fato de que este cogumelo estava totalmente preservado é surpreendente".
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia