Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 20 de junho de 2017. Atualizado às 22h27.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Série B

20/06/2017 - 22h12min. Alterada em 20/06 às 22h24min

Brasil de Pelotas derruba Juventude e quebra invencibilidade dos caxienses

Xavante encerra invencibilidade da papada no certame nacional

Xavante encerra invencibilidade da papada no certame nacional


Carlos Insaurriaga/Brasil de Pelotas/Divulgação/JC
Mais um capítulo foi escrito na temporada 2017 da Série B do campeonato brasileiro. Na noite desta terça-feira (20), o Brasil de Pelotas realizou a façanha de bater o Juventude pelo placar de 2 a 1, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.
Na fria noite da Serra Gaúcha, Rafinha abriu o placar aos 30 minutos do primeiro tempo, ao chutar da intermediária no canto esquerda. Após o intervalo, o jogo ganhou em emoção. Ex-jogador do Caxias, Wagner começou a sofrer com a marcação dos mandantes. O empate saiu aos 13, quando Caprini chutou de longe. Eduardo Martini soltou para trás e Ramon empurrou para o fundo das redes com ajuda do zagueiro de Pelotas. O Xavante não desistiu e, aos 28, garantiu os três pontos, quando Leandro Camilo aproveitou erro na saída de gol de Matheus e o encobriu.
Mesmo com a derrota, o Juventude segue na liderança da competição com 18 pontos. Brasil de Pelotas chegou aos 14 pontos e está em quinto.
Na próxima rodada, o Juventude enfrenta o Londrina. A partida está marcada para as 16h30 deste sábado, no Estádio do Café, em Londrina. No mesmo horário, o Xavante recebe o Inter, no Bento Freitas, em Pelotas.
Juventude 1 x 2 Brasil de Pelotas
Matheus Cavichioli; Vinícius, Domingues, Ruan e Bruno Collaço; Fahel (João Paulo), Diego Felipe (Bruninho), Wallacer e Juninho Silva (Caprini); Ramon e Tiago Marques. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.
Eduardo Martini; Wender, Evaldo, Leandro Camilo e Marlon (Breno); Itaqui, João Afonso (Leandro Leite), Bruno Lopes (Marcinho), Wagner e Rafinha; Lincom. Técnico: Rogério Zimmermann.
Árbitro:  João Batista de Arruda (RJ)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia