Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 04 de junho de 2017. Atualizado às 20h13.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

automobilismo

Alterada em 04/06 às 20h14min

Graham Rahal volta a vencer e faz dobradinha na etapa de Detroit da Fórmula Indy

O norte-americano Graham Rahal voltou a dominar a etapa de Detroit da Fórmula Indy. Depois de vencer a primeira corrida da rodada dupla no último sábado, o piloto da Rahal Letterman Lanigan teve novamente um grande desempenho e ganhou a prova deste domingo, fazendo uma dobradinha e coroando o seu excelente final de semana.
O resultado quebrou uma curiosa marca desta temporada: Graham Rahal foi o primeiro a ganhar duas corridas neste ano, uma vez que sete pilotos diferentes tinham vencido as sete provas anteriores. Essa foi, também, a sua sexta vitória na categoria.
Depois de largar em terceiro, Graham Rahal acertou a estratégia de boxes, assumiu a liderança, abriu boa vantagem e conseguiu segurar o norte-americano Josef Newgarden, da Penske, nas confusas três voltas finais, quando James Hinchcliffe e Spencer Pigot tiveram problemas, pararam na pista e a direção de prova acionou a bandeira vermelha.
A corrida, então, ficou parada por alguns minutos até a relargada ser autorizada. E Graham Rahal, com certa tranquilidade, segurou a pressão de Josef Newgarden por duas voltas e venceu com 1s1 de vantagem. O australiano Will Power, também da Penske, veio em seguida e completou o pódio.
Vencedor das 500 Milhas de Indianápolis no último domingo, o japonês Takuma Sato, da Andretti, teve outra boa atuação e foi o quarto, seguido pelo francês Simon Pagenaud, pelo neozelandês Scott Dixon e pelos norte-americanos Alexander Rossi e Charlie Kimball.
Os brasileiros, por sua vez, tiveram um domingo complicado. Hélio Castroneves, da Penske, até fazia boa corrida, mas teve um pneu furado e foi apenas o nono colocado. Já Tony Kanaan, da Ganassi, recebeu um "drive-through" por passar em cima da pistola nos boxes e acabou em 10.º lugar.
Com os resultados deste domingo, Scott Dixon se manteve na liderança da temporada com 303 pontos, seguido por Hélio Castroneves, com 295, e Takuma Sato, com 292. Já Graham Rahal subiu para sexto, com 251, e Tony Kanaan é o nono com 223. A próxima etapa será disputada neste sábado, no circuito oval de Fort Worth, no Texas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia