Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 14 de junho de 2017. Atualizado às 12h55.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Indústria Automotiva

Alterada em 14/06 às 12h58min

Volkswagen vê embarques de veículos crescerem 63% no ano até maio

Se no mercado doméstico as vendas da marca ainda patinam, nas exportações a Volkswagen vive um de seus melhores momentos no País. Por ser a maior exportadora de automóveis do Brasil, a montadora está puxando o desempenho recorde da indústria automobilística nas vendas ao exterior.
De janeiro a maio, os embarques da Volks cresceram 63%, chegando a 71,1 mil carros, ou 23% do total exportado pela indústria de veículos no período. Argentina, México e Colômbia foram os principais destinos dos automóveis exportados pelas três fábricas de veículos da Volkswagen no Brasil.
Seu modelo mais exportado é o Gol, com 32,2 mil unidades embarcadas nos cinco meses, seguido por Voyage (13 mil), Saveiro (11,8 mil) e o subcompacto Up! (8,4 mil).
O desempenho positivo das exportações tem ajudado a Volkswagen a reduzir a ociosidade de suas linhas de produção, ao compensar a queda no mercado doméstico, onde vendeu, no acumulado até maio, 3,8 mil carros a menos do que em igual período do ano passado.
Balanço divulgado na semana passada pela Anfavea, entidade que representa as montadoras instaladas no País, mostra que as exportações de veículos, incluindo caminhões e ônibus, crescem num ritmo de quase 62% neste ano. Tanto em maio, quando foram exportadas 73,4 mil unidades, quanto no acumulado dos cinco primeiros meses de 2017 - período em que as vendas externas chegaram a 307,6 mil unidades -, os embarques registraram, entre períodos equivalentes, as melhores marcas da história da indústria automobilística nacional.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia