Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 08 de maio de 2017. Atualizado às 22h42.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Coreia do Sul

Notícia da edição impressa de 09/05/2017. Alterada em 08/05 às 21h19min

Em meio a tensões, sul-coreanos vão às urnas eleger novo presidente

Os sul-coreanos vão às urnas hoje para escolher seu novo presidente, que deve enfrentar grandes desafios, em meio a uma escalada de tensões com o vizinho do Norte. A votação acontece seis meses após o impeachment da ex-presidente Park Geun-hye.
Moon Jae-in, do Partido Democrático da Coreia (Minjoo), de centro-esquerda, lidera as pesquisas de voto, com apoio de 40% dos eleitores, conforme o instituto norte-americano Gallup. Ahn Cheol-soo, do Partido do Povo, conta com 24% do apoio, e Hong Joon-pyo, do Partido Liberal da Coreia, tem 12%.
Entre as prioridades do novo presidente devem estar a criação de novos empregos, o combate à corrupção e a reversão do problema da baixa natalidade do país, que ameaça a produtividade da força de trabalho. As relações com a Coreia do Norte também serão um foco central.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia