Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 16 de maio de 2017. Atualizado às 14h56.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

cultura

15/05/2017 - 22h28min. Alterada em 16/05 às 09h21min

"O mundo é cheio de mistérios, é o que me fascina", disse o físico Rovelli na abertura do Fronteiras

Físico italiano Carlo Rovelli abre a temporada 2017 do Fronteiras do Pensamento

Físico italiano Carlo Rovelli abre a temporada 2017 do Fronteiras do Pensamento


Luiz Munhoz/Divulgação/JC
Bárbara Lima
“O que é a ciência?”, é com essa pergunta que o físico italiano Carlo Rovelli iniciou a conferência de abertura do Fronteiras do Pensamento 2017 para uma plateia lotada, no Salão de Atos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, na noite desta segunda-feira (15), em Porto Alegre. O autor do best-seller 7 breves lições sobre a física contou sobre a paixão pelo conhecimento, a beleza misteriosa do universo e explicou a sua teoria de estudo: a gravidade quântica.
Para Rovelli, o mundo é compreensível; a física é fácil, o problema está no jeito que se ensina para sociedade. No começo da apresentação ele fez uma retrospectiva dos questionamentos da humanidade, passando por Anaximandro, pensador que há mais de 2 mil anos refletiu e desconstruiu conceitos como “cima e baixo” para, então, chegar à conclusão de que a Terra “voava” no espaço, até físicos mais recentes como Einstein, com a teoria da relatividade, e Werner Heisenberg com a mecânica quântica.
Rovelli, que lançou recentemente o livro A realidade não é o que parece, mostrou que o fazer científico se concentra na mudança da nossa visão de mundo. Para ele, nossa compreensão habitual da realidade pode estar errada, reforçando o mistério do universo. “O mundo é cheio de mistérios, é o que me fascina. A beleza do mundo motiva a ciência, e reconhecer a nossa ignorância nesse assunto nos torna mais cheios de respeito. Temos que dizer que não sabemos de algo, temos que ser honestos, é mais bonito”, refletiu.
Em uma linguagem simples, o italiano utilizou o suéter que vestia para exemplificar o conceito de gravidade quântica. “Minha malha parece lisa, mas tem fios. Eles não constituem minha camiseta, eles são a minha camiseta”, explicou; isso é a gravidade quântica. Em outras palavras, o espaço e tempo, segundo a teoria, são granulares, pequenos e densos, e são, além de tudo, o próprio universo. Para chegar aos estudos de hoje, o físico falou também que é preciso “partir do conhecimento que já se tem”, reconhecendo a genialidade de teorias precedentes e procurando as possíveis falhas. O espaço é dinâmico para teoria da relatividade, ele se dobra, assim como a entidade física é granular para mecânica quântica, logo, a gravidade quântica trabalha entre as duas, onde cada pedacinho do universo tem seu próprio tempo-espaço granular. 
A partir desses conceitos e da pesquisa atual, que busca encontrar provas na cosmologia, o físico discursou sobre a origem do universo: o famoso Big Bang. Para ele, que segue a linha do "Grande Rebote", como é chamado, o universo não começou com uma única grande explosão, mas com o colapso cosmológico de um universo instável pré-existente que produziu outro universo. 
Antes de abrir o debate para perguntas, Rovelli finalizou incentivando a plateia a desacreditar do próprio conhecimento. “Pensamento científico é necessariamente crítico e rebelde”, concluiu. “Estamos longe de ter certeza de algo, o que temos agora é o melhor apenas”, disse.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Dorian R. Bueno 16/05/2017 14h36min
Esqueci de corrigir a palavra ASSÊNCIA para ESSÊNCIA.nNÃO SOU FÍSICO, MAS TENHO O MEU CHEIRO DO PENSAMENTO!!!nQuero poluir as telas dos computadores com algumas palavras podres e outras cheirosas. Poderia mencionar muitos cheiros neste perfumado poema, mas é melhor ir deixar fluindo. Que nojo o cheiro de políticos, corrupção, marginais, fome, doenças, e tudo que cheira MAL. DEUS vai nos perfumar com a sua misericórdia diária ungindo-nos com o ÓLEO perfumado. Cheiro da vida que nasce pelo o desejo da força e pensamento da nossa perfumada mente. Cheirosamente seja aquele amor que deixou de alguma forma a sua marca depois do sexo. Por onde passaremos sempre existirá alguém cheirando diferente ou igual para nos cheirar. Maldito cheiro que marca territórios até dos cachorros e a nosso favor às vezes sem querer. Nas ruas ou outros ambientes tudo se misturará com os muitos cheiros que são liberados. É terrível o cheiro de poluição das queimadas, ar, terra, mar e da falta de Co2 para a vida. Tristeza do cheiro da inveja, do rancor que causa em nós tremenda dor e tanta vergonha. Dela exala o cheiro da violência, perigo, atrito, discussão, conflito, confusão, azar e morte. Vou tentar não ver, fingir, fugir, omitir este detalhe e não ficar fedido nas esquinas poluídas. Com este cheirão de ódio, pólvora, lágrimas de sangue, mágoas que matam várias famílias. Cheiro de que nem cheira mais como antes porque ficou perdido no ar alucinado e drogado. Cheiram sempre correndo demais sentido vontade de cheirar muito mais o cheiro da morte. Sem desmerecer-me, sei que às vezes cheirava muito pior por fumar como a alta chaminé. Caso o aroma seja ótimo temos a chance de não ser esquecido jamais pelo o nosso amor. Corremos o risco de deixar em outras peles e roupas a nossa essência tatuada pelo cheiro. Podemos ter a oportunidade de cheirar e de pertinho querer ser bem cheirado muitas vezes. Ainda bem que antes de sair de casa alguns colocam o perfume preferido do pequeno frasco. Quem não se lembra do dia que dançava perfumado de rosto colado através do suor da amada? Precisamos ter a sorte para agradecer que pegamos o cheiro do amor sem constrangimento. Que não foi apenas um detalhe da última relação, deslize de respingos de mais uma paixão. Acredito que muitos cheiros de amizades, namoros, paqueras e noivados surgem aos poucos. O cheiro certo possui a tática de perfumar e escolher quem vamos casar no jardim com flores. Devido os vários cheiros e gostos que o mercado de perfumarias oferece ficamos em dúvida. Tantas marcas, tamanhos de frascos que dá vergonha de não saber o que o amor vai gostar. Os cheiros misturados de todos os tipos às vezes nos piram e encucam, será que vai gostar? O que levar sem errar a essência do perfume e não poluir a relação que está cheirando bem? Sentimos no ar o cheiro de quem não é bem vindo por estar cheirando mal e nem esta aí. Pode ser devido à falta de banho ou da boca limpa por falta da manutenção do creme dental. Vamos e voltamos ao trabalho, academia com o nosso cheiro tradicional e suamos ou não. Melhoramos ou pioramos o nosso cheiro conforme a nossa vontade de querer cheirar melhor. Somos livres para viajar mundo a fora e pelo cheiro do pensamento conhecer novos cheiros. A sensibilidade das narinas permitirá sentir os variados tipos de aromas da cultura dos países. Ervas medicinais, temperos, chás, comida, café, flores em vários momentos estarão entre nós. Que saibamos aproveitar tudo que cheira bem, pagando ou não para ficar bem mais cheirosos. Não posso esquecer que tem jogador de futebol quando está iluminado sente o cheiro do GOL. Como seria a Vida se todas as coisas que Deus criou com a sua beleza, continuassem impuras? nAbs. Dorian Bueno POA, 16.05.2016n nn
Dorian R. Bueno 16/05/2017 14h20min
NÃO SOU FÍSICO, MAS TENHO O MEU CHEIRO DO PENSAMENTO!!!nQuero poluir as telas dos computadores com algumas palavras podres e outras cheirosas. Poderia mencionar muitos cheiros neste perfumado poema, mas é melhor ir deixar fluindo. Que nojo o cheiro de políticos, corrupção, marginais, fome, doenças, e tudo que cheira MAL. DEUS vai nos perfumar com a sua misericórdia diária ungindo-nos com o ÓLEO perfumado. Cheiro da vida que nasce pelo o desejo da força e pensamento da nossa perfumada mente. Cheirosamente seja aquele amor que deixou de alguma forma a sua marca depois do sexo. Por onde passaremos sempre existirá alguém cheirando diferente ou igual para nos cheirar. Maldito cheiro que marca territórios até dos cachorros e a nosso favor às vezes sem querer. Nas ruas ou outros ambientes tudo se misturará com os muitos cheiros que são liberados. É terrível o cheiro de poluição das queimadas, ar, terra, mar e da falta de Co2 para a vida. Tristeza do cheiro da inveja, do rancor que causa em nós tremenda dor e tanta vergonha. Dela exala o cheiro da violência, perigo, atrito, discussão, conflito, confusão, azar e morte. Vou tentar não ver, fingir, fugir, omitir este detalhe e não ficar fedido nas esquinas poluídas. Com este cheirão de ódio, pólvora, lágrimas de sangue, mágoas que matam várias famílias. Cheiro de que nem cheira mais como antes porque ficou perdido no ar alucinado e drogado. Cheiram sempre correndo demais sentido vontade de cheirar muito mais o cheiro da morte. Sem desmerecer-me, sei que às vezes cheirava muito pior por fumar como a alta chaminé. Caso o aroma seja ótimo temos a chance de não ser esquecido jamais pelo o nosso amor. Corremos o risco de deixar em outras peles e roupas a nossa essência tatuada pelo cheiro. Podemos ter a oportunidade de cheirar e de pertinho querer ser bem cheirado muitas vezes. Ainda bem que antes de sair de casa alguns colocam o perfume preferido do pequeno frasco. Quem não se lembra do dia que dançava perfumado de rosto colado através do suor da amada? Precisamos ter a sorte para agradecer que pegamos o cheiro do amor sem constrangimento. Que não foi apenas um detalhe da última relação, deslize de respingos de mais uma paixão. Acredito que muitos cheiros de amizades, namoros, paqueras e noivados surgem aos poucos. O cheiro certo possui a tática de perfumar e escolher quem vamos casar no jardim com flores. Devido os vários cheiros e gostos que o mercado de perfumarias oferece ficamos em dúvida. Tantas marcas, tamanhos de frascos que dá vergonha de não saber o que o amor vai gostar. Os cheiros misturados de todos os tipos às vezes nos piram e encucam, será que vai gostar? O que levar sem errar a assência do perfume e não poluir a relação que está cheirando bem? Sentimos no ar o cheiro de quem não é bem vindo por estar cheirando mal e nem esta aí. Pode ser devido à falta de banho ou da boca limpa por falta da manutenção do creme dental. Vamos e voltamos ao trabalho, academia com o nosso cheiro tradicional e suamos ou não. Melhoramos ou pioramos o nosso cheiro conforme a nossa vontade de querer cheirar melhor. Somos livres para viajar mundo a fora e pelo cheiro do pensamento conhecer novos cheiros. A sensibilidade das narinas permitirá sentir os variados tipos de aromas da cultura dos países. Ervas medicinais, temperos, chás, comida, café, flores em vários momentos estarão entre nós. Que saibamos aproveitar tudo que cheira bem, pagando ou não para ficar bem mais cheirosos. Não posso esquecer que tem jogador de futebol quando está iluminado sente o cheiro do GOL. Como seria a Vida se todas as coisas que Deus criou com a sua beleza, continuassem impuras? nAbs. Dorian Bueno POA, 16.05.2016n nn