Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 11 de maio de 2017. Atualizado às 00h22.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Segurança pública

Notícia da edição impressa de 11/05/2017. Alterada em 10/05 às 21h18min

Ônibus é incendiado em frente ao Mercado Público

Responsável pelo ataque teria atuado sozinho, segundo a BM

Responsável pelo ataque teria atuado sozinho, segundo a BM


HELENA ROCHA/PMPA/JC
O incêndio de um ônibus da linha 731 Parque dos Maias, por volta das 17h de ontem, acabou provocando medo e transtornos no trânsito na região central de Porto Alegre. O coletivo estava no terminal Parobé, em frente ao Mercado Público, quando foi atacado por uma pessoa, que ateou fogo no veículo, fazendo uso de um galão de gasolina. Até o fechamento desta edição, nenhum suspeito havia sido detido. Ninguém ficou ferido.
Segundo o comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar, tenente Eduardo Amorim, o homem estava sozinho e teria ordenado que todas as pessoas deixassem o veículo antes da ação. O autor seria um homem pardo, com moletom cinza, bermuda preta e usando mochila. O comandante descartou que o ataque tenha sido causado por algum desentendimento envolvendo passageiros ou tripulantes, e não há registro de ocorrências que possam dar indícios da motivação do criminoso.
Por decisão da Empresa Pública de Transportes e Circulação, várias linhas que utilizam o terminal foram deslocadas para a avenida Júlio de Castilhos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia