Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 09 de maio de 2017. Atualizado às 18h23.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

futebol

Alterada em 09/05 às 18h23min

Fifa muda prêmio e escolherá melhor do mundo ao fim da temporada europeia

O Conselho da Fifa aprovou nesta terça-feira (9), em uma reunião realizada em Manama, no Bahrein, uma série de mudanças em diversas frentes do futebol. Entre elas, a entidade decidiu alterar o formato do prêmio dado anualmente ao melhor jogador do mundo e passará a analisar o período que define a temporada europeia, ao invés do desempenho dos atletas no ano.
A entidade confirmou a mudança momentos após o fim da reunião. Com a decisão, a cerimônia do Prêmio dos Melhores do Futebol da Fifa, que anuncia também a melhor jogadora e os melhores técnicos do futebol masculino e feminino, entre outras honrarias, passará a acontecer no segundo semestre do ano e decidirá os melhores no período referente à temporada europeia.
A mudança passará a ser adotada já em 2017. No dia 23 de outubro, Londres receberá a cerimônia que anunciará os melhores do mundo entre o meio de 2016 e a metade de 2017. Com isso, a premiação estará alinhada com o período que define a temporada no Velho Continente, já que a maior parte dos vencedores trabalha na Europa.
Esta é a segunda alteração em pouco tempo do Prêmio de Melhor do Mundo. De 2010 a 2015, a Fifa alinhou sua premiação com a Bola de Ouro tradicionalmente dada pela revista France Football, mas a parceria foi rompida e já em 2016 a entidade realizou sua eleição de forma independente.
O rompimento definiu também mudanças na forma da eleição, que passou a ser aberta também ao público. Para que a nova alteração seja confirmada, o congresso da Fifa que será realizado nesta quinta-feira, novamente em Manama, precisa referendar a decisão, o que deve acontecer.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia