Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 04 de maio de 2017. Atualizado às 12h49.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Libertadores

Notícia da edição impressa de 04/05/2017. Alterada em 04/05 às 00h07min

Grêmio: derrota e pouco futebol no Chile

De pênalti, atacante Bielkiewicz fez o gol de empate dos chilenos

De pênalti, atacante Bielkiewicz fez o gol de empate dos chilenos


CRISTIAN RUDOLFFI/CRISTIAN RUDOLFFI/ATON CHILE/AFP/JC
Desta vez, não teve desculpa. Não foi "soninho" e, tampouco, "mole". O Grêmio de Renato Portaluppi fez uma partida muito ruim diante do Deportes Iquique, em Calama, no Chile, na noite de ontem, e perdeu para os chilenos por 2 a 1, de virada. Mesmo tendo uma semana cheia de treinos, o que se viu foi uma equipe sem articulação, sem jogadas pelos lados, sem força de ataque. O time perdeu a primeira na Libertadores da América e desperdiçou a chance de garantir antecipadamente a classificação às oitavas de final.
O primeiro tempo de partida foi de muito equilíbrio. Enquanto o Grêmio buscou seus ataques pelo meio, esbarrando na forte marcação na frente da área chilena, os donos da casa apostaram nas jogadas pelo lado, principalmente pela esquerda defensiva gremista.
A escolha de Renato por Jailson no meio ao invés de Arthur se mostrou equivocada. O Tricolor ficou sem saída de jogo e sem articulação no meio, na medida em que Luan não conseguiu cumprir o papel de meia. De fraca atuação, o camisa 7, inclusive, via de regra, se posicionou à frente de Pedro Rocha, como um segundo atacante.
Assim, o gol gremista só poderia ter origem em uma bola parada. Luan cobrou escanteio pela direita aos 19 minutos, Kanneman desviou na primeira trave, e Lucas Barrios apareceu na segunda, por trás da marcação, para empurrar a bola para o gol.
A torcida tricolor, porém, nem conseguiu comemorar. Pouco mais de um minuto depois, Ramiro tentou afastar a bola, após Marcelo Grohe espalmar chute para o lado, e o árbitro viu falta sobre Dávila. Pênalti para o Iquique, que Bielkiewicz cobrou para empatar o confronto.
Errando muito na saída de jogo, o Grêmio avançou a marcação e, quando sem a bola, passou a pressionar os defensores chilenos. Ainda assim, não conseguiu chegar com perigo, à exceção de uma cabeceada de Ramiro aos 32 minutos, que o goleiro Cortés defendeu sem dificuldade.
Mal a segunda etapa tinha começado e os chilenos já haviam virado o placar. Aos três minutos, Torres cobrou falta - mal marcada pelo árbitro - na frente da área pela direita, Marcelo Grohe pulou atrasado e não conseguiu a defesa.
Mesmo atrás no marcador, o time gaúcho não conseguiu reagir e ir ao ataque. Apático, errando muitos passes, sem vibração, marcando à distância, o time sequer esboçou uma busca pelo empate. Renato corrigiu o erro de escalação ao colocar Arthur no meio de campo, mas errou mais uma vez ao apostar em Fernandinho para o ataque, novamente sem dar resposta. O Tricolor volta a campo pela Libertadores no dia 25 deste mês, contra o Zamora, na Arena, pela última rodada da fase de grupos.
Deportes Iquique 2 x 1 Grêmio
  Brayan Cortéz; Alan Moreno, Enzo Guerrero, Zenteno, Dávila; Rafael Caroca, Riquero (Álvaro Ramos), Eduardo Farías, Reynero (Bustamante), Diego Torres; Bielkiewecz. Técnico: Jaime Vera.
Marcelo Grohe; Leonardo Moura, Pedro Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Michel (Everton), Ramiro e Jailson (Fernandinho); Luan, Pedro Rocha (Arthur) e Lucas Barrios. Técnico: Renato Portaluppi.
Árbitro: Germán Delfino (Fifa/Argentina)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Dorian R. Bueno 04/05/2017 09h03min
EXTRA, EXTRA, LBA 2017, IQUIQUE 2 X 1 GRÊMIO, TÁ BOM, A CULPA FOI DO NOVELLETTO !!!nToda vez que o Gauchão chega com o Internacional na final, é culpa do Novelletto. Agora vamos combinar, ele não chuta pênalti para fora e nem na mão do goleiro. Para resumir, não foi ele que escalou o time do Grêmio e foi eliminado do Gauchão com o time de cheinho de estrelas titulares da LBA. Para definir melhor, ontem lá no Chile, será que o Chico foi comprar umas passas de uvas, salmão, vinho e jantou com os juízes? Vai entender !!! Abs. Dorian Bueno, POA, 04.05.2017n