Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 02 de abril de 2017. Atualizado às 22h35.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Memória

Notícia da edição impressa de 03/04/2017. Alterada em 02/04 às 22h37min

Ex-embaixatriz Lúcia Flecha de Lima morreu aos 76 anos neste domingo em Brasília

A ex-embaixatriz Lúcia Flecha de Lima morreu aos 76 anos neste domingo. A mineira faleceu em sua casa após lutar por um ano contra um câncer no útero. Lúcia era mulher do ex-embaixador Paulo Tarso Flecha de Lima. Além do marido, ela deixa quatro filhos: Isabel, João Pedro, Beatriz e Luiz Antônio. Paulo, o quinto filho, já morreu.
Com fama de fina e elegante, Lúcia foi por muitos anos celebrada como a mais ativa embaixatriz da história recente do Brasil. Em 2003, foi secretária de Turismo do Distrito Federal. Por onde passou, cultivou amizades, como o casal Bill e Hillary Clinton, e a princesa Diana, de quem foi confidente.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia