Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 12 de abril de 2017. Atualizado às 11h29.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

12/04/2017 - 11h29min. Alterada em 12/04 às 11h29min

Putin afirma que relação entre Rússia e EUA piorou com Trump

Putin falou sobre relação com EUA depois que Trump assumiu presidência

Putin falou sobre relação com EUA depois que Trump assumiu presidência


PAVEL GOLOVKIN/AFP/JC
O presidente da Rússia, Vladimir Putin, afirmou que as relações entre Moscou e Washington pioraram desde que Donald Trump assumiu a presidência dos Estados Unidos.
"Pode-se dizer que o nível de confiança para trabalhar, especialmente no campo militar, não melhorou e provavelmente piorou", disse o presidente russo, em entrevista nesta quarta-feira para o canal de televisão Mir 24.
Putin também disse que a Síria cumpriu o acordo de livra-se de armas químicas "até onde sabemos". Ele reiterou que o ataque químico que ocorreu na semana passada na Síria, que levou a uma ofensiva aérea dos EUA em represália, foi uma provocação dos grupos rebeldes sírios ou então um avião do exército sírio que poderia ter atingido um reduto dos rebeldes com armas químicas.
A entrevista foi ao ar na Rússia no momento em que o secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson, está em reunião com o ministro de Relações Exteriores do país, Sergey Lavrov. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia