Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 14 de abril de 2017. Atualizado às 11h24.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Direitos Humanos

14/04/2017 - 11h09min. Alterada em 14/04 às 11h24min

Jornal NYT diz que caso José Mayer é vitória contra o sexismo

No título da matéria, a chamada diz "Uma vitória contra o sexismo no Brasil"

No título da matéria, a chamada diz "Uma vitória contra o sexismo no Brasil"


NYT/Reprodução/JC
O jornal norte-americano The New York Times publicou uma reportagem nessa quinta-feira (13), repercutindo os desdobramentos do caso de assédio cometido por José Mayer contra Susllem Tonani na Globo.
"Uma vitória contra o sexismo no Brasil", estampa o título. Na matéria, o repórter compara o caso ao que poderia ser o enredo de uma novela: uma figurinista que realiza seus sonhos no show business ao ser contratada pela maior emissora do País, mas acaba sendo alvo de assédios por um dos grandes atores.
O caso de agressão de Marcos contra Emilly no BBB 17 também foi citado na matéria. Com destaque para a hashtag #EuViviUmRelacionamentoAbusivo, o jornal explicou que as redes sociais foram importantes no desdobramento dos casos, resultando na expulsão de Marcos do programa e na suspensão de Mayer da Globo.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia