Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 14 de abril de 2017. Atualizado às 20h35.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

tênis

Alterada em 14/04 às 20h36min

Thomaz Bellucci derrota número 25 do mundo e avança às semifinais em Houston

Depois de ajudar o Brasil a se classificar aos playoffs do Grupo Mundial da Copa Davis com duas vitórias na série contra o Equador, Thomaz Bellucci viajou ao Estados Unidos para jogar o Torneio de Houston, um ATP 250 disputado em quadras de saibro, e tem se dado muito bem nesta semana. Nesta sexta-feira, o tenista número 1 do País e 65.º do ranking bateu o norte-americano Sam Querrey, 25.º colocado do mundo, e avançou às semifinais da competição.
Em sua terceira partida em Houston, Thomaz Bellucci voltou a precisar de três sets para conseguir a vitória. Em 1 hora e 47 minutos de jogo, o brasileiro superou o norte-americano e chegou à sua segunda semifinal de um torneio ATP nesta temporada - a outra foi em Quito, no Equador. Na carreira profissional, tentará alcançar a sua oitava decisão.
Neste sábado, o seu adversário será uma grande surpresa da competição em Houston. O norte-americano Ernesto Escobedo, um jovem jogador de 20 anos e 91.º do ranking, venceu um duelo local de pouco mais de 3 horas contra John Isner, número 23 do mundo, em três tie-breaks - com parciais de 7/6 (8/6), 6/7 (6/8) e 7/6 (7/5). Na fase anterior, Escobedo havia eliminado o brasileiro Thiago Monteiro.
Em quadra, Thomaz Bellucci foi sólido contra Sam Querrey no primeiro e no terceiro sets. Contra o cabeça de chave número 3 do torneio, o brasileiro só bobeou na segunda parcial e no começo da terceira, quando teve o serviço quebrado. Mas logo se recuperou conseguindo duas quebras de saque e mesmo cometendo três duplas faltas, duas delas em match points, comemorou a difícil vitória.
Já na chave de duplas, o paulista Rogério Dutra Silva foi eliminado nas quartas de final. Jogando ao lado do canadense Adil Shamasdin, Rogerinho perdeu de virada para o alemão Dustin Brown e o norte-americano Frances Tiafoe por 2 sets a 1 - com parciais de 4/6, 6/1 e 10 a 5 no match tie-break.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia