Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 16 de março de 2017. Atualizado às 01h07.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Síria

Notícia da edição impressa de 16/03/2017. Alterada em 16/03 às 01h03min

Ações de homens-bomba deixam ao menos 30 mortos em Damasco

Dois atentados com homens-bomba ontem, em Damasco, marcaram o sexto aniversário da guerra civil na Síria, que envolve grupos rebeldes e tropas leais ao presidente Bashar al-Assad. No primeiro, um homem com um rifle e granadas chegou à entrada no Palácio de Justiça e, ao ser revistado pelos guardas, correu para o interior do prédio e se explodiu, matando ao menos 30 pessoas.
O ataque ocorreu às 13h20min (8h20min em Brasília), horário de grande movimento no local. Algumas horas depois, um segundo homem-bomba invadiu de carro um restaurante no bairro Rabweh após perseguição policial e se explodiu. Não há informações sobre o número de mortos. Nenhuma organização assumiu a autoria das ações.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia