Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 01 de março de 2017. Atualizado às 22h35.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

futebol

01/03/2017 - 22h36min. Alterada em 01/03 às 22h37min

Após polêmica, Furacão leva a melhor e vence "Atletiba do YouTube"

Folhapress
Depois de muita polêmica, Atlético-PR e Coritiba finalmente entraram em campo para a disputa do clássico na Arena da Baixada. Nesta quarta-feira (1º), com transmissão exclusiva do Facebook e YouTube, quem se deu bem foi o Atlético-PR, que, com gols de Crysan e Luis Henrique, venceu por 2 a 0 e entrou na zona de classificação do estadual.
A partida estava marcada para acontecer inicialmente em 19 de fevereiro, mas o conjunto de arbitragem não deu início ao jogo na época alegando que os profissionais da transmissão não haviam feito credenciamento. Agora, depois de 11 dias e mais uma vez com o apoio informal do canal Esporte Interativo, tudo deu certo. Segundo a transmissão oficial, mais de 170 mil torcedores acompanharam o final clássico.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia