Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 31 de março de 2017. Atualizado às 08h04.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

consumo

Notícia da edição impressa de 31/03/2017. Alterada em 30/03 às 20h21min

Preço médio da refeição no Sul aumenta 8%, diz Sodexo

Em Porto Alegre, valor médio da alimentação ficou em R$ 32,06

Em Porto Alegre, valor médio da alimentação ficou em R$ 32,06


ANDR/ARQUIVO/JC
O preço médio da refeição no Sul do País aumentou 8% (de R$ 31,74 para R$ 34,34) em 12 meses, segundo pesquisa divulgada pela Sodexo. O valor é o mais alto entre todas as regiões do Brasil e está acima da média brasileira que é de R$ 32,94. Em Porto Alegre, o valor apurado foi de R$ 32,06.
O levantamento revelou que 40,5% dos entrevistados apontam os preços altos das refeições próximas ao trabalho como fator determinante para que o benefício não dure até o final do mês. Ainda segundo a pesquisa feita com 1.186 pessoas em todo o Brasil, o valor mensal do benefício refeição não dura até o final do mês para 81,51% dos trabalhadores e além do preço elevado da refeição ser um dos fatores impactantes, 42,90% dos entrevistados declaram que o valor recebido é baixo e 16,6% utilizam o benefício aos finais de semana.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia