Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 17 de março de 2017. Atualizado às 10h23.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado Financeiro

17/03/2017 - 10h27min. Alterada em 17/03 às 10h27min

Dólar oscila e cai com fluxo e exterior

O dólar voltou a cair na manhã desta sexta-feira (17), após subir pontualmente na esteira da abertura em baixa. O motivo da alta é a recuperação do dólar no exterior, disse Jefferson Rugik, da Correparti, citando a alta do Dollar-index, que estava em 0,02% por volta das 9h30. "Há sinais de fluxo comercial positivo", acrescentou o operador da corretora Hcommcor, Cleber Alessie Machado Neto.
"Nos primeiros negócios, a moeda caiu ao nível de R$ 3,10, que é onde há um movimento de defesa (compra) neste momento por parte de investidores, por causa das incertezas sobre o cenário político", disse o operador da Hcommcor.
Às 9h46min desta sexta, o dólar à vista recuava 0,13%, aos R$ 3,1147, após tocar em máxima aos R$ 3,1273 (+0,24%). A mínima ficou em R$ 3,1068 (-0,41%). O dólar para abril recuava 0,29%, aos R$ 3,1255, ante máxima antes, aos R$ 3,1395 (+0,16%). Na mínima, caiu aos R$ 3,1190 (-0,49%).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia