Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 06 de março de 2017. Atualizado às 14h33.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

Alterada em 06/03 às 14h38min

Esperamos cooperação dos EUA em acordo nuclear com o Irã, diz diretor da AIEA

O diretor da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), Yukiya Amano, afirmou nesta segunda-feira esperar que o governo do presidente Donald Trump, nos Estados Unidos, coopere com o acordo nuclear firmando com o Irã durante o mandato de seu antecessor, Barack Obama.
Amano afirmou ter se encontrado na semana passada com o secretário de Estado norte-americano, Rex Tillerson, e diz estar confiante de que sua mensagem foi ouvida.
Por causa do acordo, a AIEA tem agora as "ferramentas de monitoramento mais poderosas" para avaliar as atividades nucleares de Teerã, disse o dirigentes. Além disso, as capacidades do país nesse campo estariam agora "reduzidas" por causa do acordo.
Durante a campanha presidencial, no ano passado, Trump prometeu "rasgar" o acordo, afirmando que ele é insuficiente para reduzir a ameaça nuclear representada pelo Irã. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia