Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 02 de março de 2017. Atualizado às 14h11.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

combustíveis

Alterada em 02/03 às 14h16min

Produção de petróleo e gás em janeiro foi de 3,378 milhões de boe/d, diz ANP

A produção total de petróleo e gás no País em janeiro foi de 3,378 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), informou nesta quinta-feira a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).
A produção de petróleo atingiu 2,687 milhões de barris por dia (bpd), crescimento de 14,2% em relação a igual mês em 2016, mas queda de 1,6% na comparação com dezembro de 2016. A produção total na camada pré-sal foi recorde, com 1,588 milhão boe/d, aumento de 1,1% em relação a dezembro de 2016.
Na produção total, estão incluídos ainda 109,9 milhões de metros cúbicos por dia de gás natural - volume 13,1% acima do registrado em janeiro de 2016, mas 1,6% abaixo de dezembro.
Segundo a ANP, a produção oriundo da pré-sal respondeu por 47% do total produzido no Brasil em janeiro. No pré-sal, a produção foi oriunda de 73 poços. A produção de petróleo atingiu 1,276 milhão bpd e 49,5 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia.
O campo de Lula, na Bacia de Santos, foi o maior produtor de petróleo e gás natural, produzindo, em média, 729,5 mil bpd de petróleo e 31,6 milhões de metros cúbicos por dia de gás natural. "A produção de petróleo de Lula é a maior já registrada por um campo no Brasil, superando o recorde anterior do próprio campo em dezembro de 2016, que foi de 710,9 mil bbl/d", diz a nota divulgada pela ANP.
Isoladamente, a FPSO (navio-plataforma) Petrobras-58, produzindo nos campos de Jubarte, Baleia Azul, Baleia Anã e Baleia Franca, foi a Unidade Estacionária de Produção (UEP) com a maior produção em janeiro. Por meio de 13 poços a ela interligados, a unidade produziu 199,2 mil boe/d.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia