Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017. Atualizado às 20h12.

Jornal do Comércio

Vídeos JC

COMENTAR

Trabalho


Para Eliseu Padilha, saques do FGTS ajudarão a gerar de empregos

Publicado em .

Para o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha (PMDB-RS), os saques das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) vão agendar a gerar empregos no Brasil nos próximos meses. O dinheiro, que terá seu calendário de liberação divulgado nesta terça-feira (14), totaliza R$ 42 bilhões. Na estimativa de Padilha, cerca de 70% dos valores deverão ser sacados, o que signficaria uma injeção de R$ 30 bilhões a R$ 35 bilhões no mercado. O ministro gravou o depoimento em visita ao Jornal do Comércio na sexta-feira (10), onde comentou ainda sobre a indicação do novo ministro da Justiça e gravou uma edição do programa Politiquim.
Esta seção tem o apoio do
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia