Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 26 de fevereiro de 2017. Atualizado às 21h01.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

tênis

26/02/2017 - 20h28min. Alterada em 26/02 às 20h35min

Thiem supera espanhol e leva título do Rio Open sem perder sets

Dominic Thiem of Autria (bottom) returns the ball to Spanish Pablo Carreno Busta, during their ATP World Tour 500 Rio Open final single tennis match at the Jockey Club in Rio de Janeiro, Brazil on February 26, 2017. 
Thiem won the final by 7-5, 6-4. / AFP PHOTO / J.P.ENGELBRECHT

Dominic Thiem of Autria (bottom) returns the ball to Spanish Pablo Carreno Busta, during their ATP World Tour 500 Rio Open final single tennis match at the Jockey Club in Rio de Janeiro, Brazil on February 26, 2017. Thiem won the final by 7-5, 6-4. / AFP PHOTO / J.P.ENGELBRECHT


J.P.ENGELBRECHT/AFP/JC
O austríaco Dominic Thiem não decepcionou na sua participação no Rio Open. Cabeça de chave número 2 do ATP 500, disputado em quadras de saibro no Jockey Club Brasileiro, o oitavo colocado no ranking da ATP confirmou o seu favoritismo ao conquistar neste domingo o título com a vitória na decisão sobre o espanhol Pablo Carreño Busta, o número 24 do mundo, por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/4, em 1 hora e 34 minutos.
O Rio Open reuniu dois tenistas do seleto grupo dos dez melhores do mundo, sendo que eles tiveram desempenho opostos. O japonês Kei Nishikori caiu no seu jogo de estreia, diante do brasileiro Thomaz Bellucci, enquanto Thiem, alçado com esse revés ao posto de grande favorito, levou a taça sem perder sequer um set.
O título conquistado no Rio foi o oitavo da carreira de Thiem, de 23 anos, sendo o primeiro na temporada 2017. E essa conquista veio com uma atuação bastante agressiva - ele disparou 25 winners - diante de Carreño Busta, que um dia antes havia levado a taça da chave de duplas ao lado do uruguaio Pablo Cuevas.
Além disso, Thiem confirmou a sua superioridade no confronto com Carreño Busta, a quem havia superado nas três partidas anteriores. Neste domingo, porém, o austríaco levou um susto, afinal o espanhol conseguiu uma quebra de serviço no sexto game, abrindo vantagem na partida.
Thiem, porém, reagiu imediatamente, devolvendo a quebra na sequência. Depois, no 12º game, converteu mais um break point, dessa vez para fechar a primeira parcial da decisão do Rio Open em 7/5.
No segundo set, Thiem ficou próximo do título ao abrir 4/2 com um break point convertido no sexto game. Dessa vez, no entanto, ele vacilou na sequência, perdendo o saque e mantendo Carreño Busta vivo na decisão. Novamente, porém, o espanhol falhou no momento de definição da parcial. No décimo game, Thiem conseguiu nova quebra de saque para fazer 6/4 no segundo set e garantir a conquista do título da chave de simples do Rio Open.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia