Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017. Atualizado às 11h12.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Trabalho

Notícia da edição impressa de 20/02/2017. Alterada em 20/02 às 11h13min

Fábrica da Seven Boys em Porto Alegre dispensa cerca de 400 funcionários

Mix da marca conta com mais de 30 produtos, especialmente pães e bolos industriais

Mix da marca conta com mais de 30 produtos, especialmente pães e bolos industriais


CLAITON DORNELLES/JC
Roberta Mello
Atualizada às 11h de 20/02/2017 
Na sexta-feira, trabalhadores da unidade fabril da Seven Boys em Porto Alegre foram dispensados do cumprimento da jornada de trabalho com a garantia de que irão receber o salário até o final do mês. A ideia da direção da empresa era encaminhar o processo de demissão de pelo menos 400 funcionários hoje. Contudo, o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Panificação de Porto Alegre (Stipanpa) conseguiu reverter a decisão. Uma nova reunião entre as partes está marcada para esta quarta-feira (22).
A assessoria de imprensa da empresa informou nesta segunda-feira (20) que a intenção é manter apenas as áreas comercial e de distribuição na fábrica. São 500 funcionários no total, segundo a assessoria, e 350 já foram demitidos.
Conforme o secretário geral-da Stipanpa, Waldir Canibal de Avila, a diretoria da WickBold, dona da Seven Boys, assumiu o compromisso de continuar dialogando. O veredito sobre os rumos da fábrica deve ser dado apenas em 1 de março. O sindicato afirma que mantém em negociação a manutenção de todos os postos de trabalho. A unidade conta com aproximadamente 500 trabalhadores.
O clima de tensão no local se estende há cerca de 15 dias, quando a diretoria sinalizou com a possibilidade de desligamento de 30 funcionários, relata Avila. "Em pouco mais de uma semana, o quadro mudou completamente. Disseram que não estavam produzindo mais e que poderiam até fechar a unidade", diz o representante da categoria.
A fábrica da Seven Boys na Capital está situada no bairro Rubem Berta, zona Norte da cidade. Fundada na década de 1950, por imigrantes japoneses, em Santos, a empresa é uma das três maiores no segmento de pães industrializados do País. O mix conta com mais de 30 produtos. Com duas unidades fabris, em Porto Alegre (RS) e Belo Horizonte (MG), e nove filiais, a empresa conta com mais de 1.300 funcionários diretos. A Seven Boys foi comprada pela Wickbold, com sede em São Paulo, em 2015.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia