Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 23 de janeiro de 2017. Atualizado às 21h48.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

conjuntura internacional

Notícia da edição impressa de 24/01/2017. Alterada em 23/01 às 20h59min

Embaixada dos EUA em Jerusalém afetaria estabilidade, diz Hamas

Um graduado líder do grupo Hamas advertiu o novo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, contra os planos dele de mudar a embaixada do país de Tel-Aviv para Jerusalém. Segundo o grupo palestino, isso ameaçaria a estabilidade regional, informou a agência estatal turca Anadolu. A declaração foi feita pelo número 2 do grupo, Moussa Abu Marzouq.
Em comunicado divulgado no site do Hamas no domingo, Marzouq afirmou que "a realocação da embaixada dos Estados Unidos para Jerusalém representa um risco crescente". Na avaliação do dirigente, declarações recentes de Trump e seus assessores "não servem nem para a estabilidade na região, nem para os EUA em si".
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia