Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 05 de janeiro de 2017. Atualizado às 21h36.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Clima

Notícia da edição impressa de 06/01/2017. Alterada em 05/01 às 21h25min

Chuva deixa sem água parte da Região Metropolitana

Um dia após a forte chuva que atingiu a Região Metropolitana, boa parte dos moradores continuava sem água no começo da noite de quinta-feira. De acordo com o Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae), foi necessário desligar a estação de bombeamento Vila Ipiranga 2, em Porto Alegre, para o conserto de uma adutora. A medida deixou sem água as torneiras dos bairros Vila Jardim, Três Figueiras, Passo D'Areia, Boa Vista, parte do Cristo Redentor e a parte alta do Jardim Itu-Sabará.
O abastecimento também foi prejudicado na região das Ilhas, e o religamento da estação de bombeamento que abastece a área só ocorreu na metade da tarde de quinta-feira. Danos causados pelas fortes chuvas também atrasaram a volta da água em bairros como Belém Novo, Santana, Bom Jesus e Aberta dos Morros.
A retomada do abastecimento em Gravataí, prejudicado pela falta de luz causada pela queda de postes da RGE Sul, estava estimada pela Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) para o começo da manhã de sexta-feira. Problemas com a falta de água também foram registrados em Viamão, onde o fornecimento foi regularizado durante a tarde de quinta-feira. O fornecimento de luz também enfrentava dificuldades, com a Companhia Estadual de Energia Elétrica identificando cerca de 600 pontos sem energia elétrica em Porto Alegre, Guaíba e Eldorado do Sul. 
Para esta sexta-feira, o Instituto Nacional de Meteorologia mantém o alerta para a ocorrência de chuva de moderada a forte no Estado, com possibilidade de queda de granizo e rajadas de vento de até 90 km/h. As temperaturas previstas oscilam de 14 a 30 graus. Na Capital, o tempo nublado com pancadas de chuva prometia clima mais ameno e pouca amplitude térmica, com a temperatura ficando entre 20 e 25 graus.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia