Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 20 de janeiro de 2017. Atualizado às 19h43.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Grêmio

Alterada em 20/01 às 20h45min

Renato Gaúcho mantém base campeã em 1º coletivo do ano e ganha reforço de peruano

O treinador mandou a campo no CT Luiz Carvalho a mesma base campeã no ano passado

O treinador mandou a campo no CT Luiz Carvalho a mesma base campeã no ano passado


RODRIGO FATTURI/GREMIO FBPA/Divulgação/JC
O Grêmio deve começar a temporada 2017 com o mesmo time titular que terminou 2016 conquistando o título da Copa do Brasil. Nesta sexta-feira, no primeiro treino coletivo da pré-temporada, Renato Gaúcho mandou a campo no CT Luiz Carvalho a mesma base campeã no ano passado.
Sem o goleiro Marcelo Grohe, que ficou na academia na tarde desta sexta, o time titular foi escalado com: Bruno Grassi; Edílson, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Ramiro, Douglas e Pedro Rocha; Luan.
Os reforços já apresentados treinaram no time reserva. Como só tem três zagueiros à disposição no elenco, Renato Gaúcho precisou escalar o lateral-direito Leonardo Gomes como zagueiro. Léo Moura atuou na lateral direita, enquanto Michel formou o meio-campo com Jaílson, Maxi e Miller Bolaños.
Fernandinho, que voltou ao Grêmio depois de empréstimo ao Flamengo, atuou na equipe reserva junto com Maxi Rodríguez, uruguaio que passou 2016 emprestado ao Peñarol e que ganha chance com Renato Gaúcho. A situação é a mesma de Yuri Mamute, que retorna a Porto Alegre após passar pelo Panathinaikos e pelo Náutico.
REFORÇO - Também nesta sexta-feira o Grêmio confirmou a contratação do atacante Beto da Silva, de 20 anos. Peruano filho de brasileiro, ele chegou a jogar nas categorias de base do Grêmio, mas se formou jogador no Sporting Cristal, do Peru. Em 2016, defendeu o time B do PSV, da Holanda. Mesmo assim, vem sendo convocado para a seleção principal do Peru.
De acordo com Renato Gaúcho, a contratação de Beto não foi indicação dele. "A diretoria pediu que eu assinasse embaixo, mas é ela que está trazendo. Espero que ele chegue aqui e possa render e nos ajudar em todos os sentidos", afirmou, de manhã, em entrevista coletiva. Beto assinou por quatro anos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia