Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 20 de janeiro de 2017. Atualizado às 19h03.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Contas Públicas

Alterada em 20/01 às 20h05min

Renegociação da dívida do Estado com a União começa na terça-feira

Sartori recebeu o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, no Palácio Piratini

Sartori recebeu o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, no Palácio Piratini


Luiz Chaves/Palácio /Divulgação/JC
Após encontro do governador José Ivo Sartori com o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, na manhã desta sexta-feira (20), foi anunciado que a nova fase da renegociação das dívidas do Estado irá começar na próxima semana. 
Sartori deve se reunir com ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, na terça-feira (24) às 15h30min, no ministério em Brasília. A renegociação definirá as contrapartidas do Estado, exigidas pelo governo federal e que foram mantidas no texto da lei aprovada no Congresso Nacional. Entre as condições, estão a redução de gastos e privatização de estatais. Dependerá desse acordo a adesão ao Plano de Recuperação Fiscal, que prevê carência de três anos no pagamento da dívida.
"Mudar a realidade da dívida do Estado é algo que, já na campanha eleitoral, eu citava como prioridade para o mandato. Fomos construindo essa possibilidade com cuidado técnico e político, sem espetacularização. Estamos muito perto de concretizar a mudança", afirmou o governador, em nota no site do governo estadual. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia