Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 05 de janeiro de 2017. Atualizado às 07h07.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado Financeiro

Bolsa de Tóquio fecha em baixa modesta, influenciada por iene forte

A Bolsa de Tóquio fechou em baixa modesta nesta quinta-feira (5), influenciada por uma recuperação do iene ante o dólar. O índice Nikkei caiu 0,37%, a 19.520,69 pontos, apagando parte do forte ganho de 2,51% que exibiu no pregão anterior, o primeiro do ano.

Após se enfraquecer recentemente, o iene voltou a se valorizar frente ao dólar durante a madrugada, prejudicando ações de exportadoras negociadas na capital do Japão.

O dólar está pressionado desde o fim da tarde de ontem, quando o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) divulgou ata de política monetária considerada menos agressiva do que se previa.

No setor exportador japonês, destacaram-se em baixa hoje montadoras como Mazda (-1,65%), Toyota (-0,68%) e Suzuki (-0,58%), além da fabricante de equipamentos fotográficos Nikon (-0,80%).

Por outro lado, a Sharp saltou 10,92%, com o preço de suas ações atingindo o maior nível desde setembro de 2014, após notícia de que a companhia de eletrônicos estuda lançar uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) de ações da Sakai, sua joint venture de telas de LCD com a Foxconn.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia