Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 27 de dezembro de 2016. Atualizado às 13h09.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

ESTADOS UNIDOS

Alterada em 27/12 às 14h13min

Trump nomeia Thomas Bossert como assessor-chefe de Segurança Nacional

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que irá nomear Thomas Bossert como assessor-chefe de Segurança Nacional, combate ao terrorismo e crimes cibernéticos, dando a ele "elevado" status em meio à burocracia da Casa Branca.
Em comunicado, o time de transição de Trump afirma que Bossert irá assessorar o presidente ao lado de Michael Flynn, indicado como conselheiro de Segurança Nacional. O documento destaque que Bossert deverá desfrutar de "status independente", refletindo a importância de uma missão tão estreitamente ligada à segurança do país.
Bossert tem 41 anos e serviu como conselheiro adjunto de Segurança Nacional durante o governo George W. Bush. Ele agora dirige um negócio de consultoria privada. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia