Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 28 de dezembro de 2016. Atualizado às 10h39.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

Alterada em 28/12 às 11h41min

DIs rondam os ajustes em manhã de pouca liquidez

Em mais um dia de pouca liquidez e de agenda fraca, os juros futuros rondam os ajustes na manhã desta quarta-feira (28) refletindo a calmaria dos mercados nos últimos dias do ano. Há pouco, o DI para janeiro de 2018 estava em 11,56%, estável em relação ao ajuste anterior. O DI para janeiro de 2019 marcava 11,08%, de 11,06%, enquanto na ponta mais longa o vencimento para janeiro de 2021 exibia 11,38% de 11,37%.
O mercado monitora a possibilidade de o presidente Michel Temer vetar o projeto de socorro aos Estados em situação crítica aprovado na Câmara, mas a notícia não chega a afetar as taxas. Essa intenção teria sido manifestada ontem, em reunião emergencial no Palácio do Planalto. Segundo apurou o Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, o governo federal não abrirá mão das contrapartidas exigidas para o socorro financeiro aos Estados, o que é bem visto pelos agentes.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia