Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 26 de dezembro de 2016. Atualizado às 17h49.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

Alterada em 26/12 às 18h53min

Bancos e commodities ajudam Bovespa a subir em dia de giro baixo

A Bovespa fechou em alta nesta segunda-feira (26), impulsionada pelo setor bancário e ações ligadas a commodities, apesar do volume de negócios muito baixo em função do feriado de Natal nos Estados Unidos e na Europa.
Nesta segunda-feira pós-Natal, o Ibovespa operou em alta firme durante todo o pregão e fechou aos 58.620,25 pontos (+1,18%). Entretanto, não se deve pular para conclusões com base nesse número. O volume de negócios, de pífio R$ 1,61 bilhão, foi o menor desde 04 de julho de 2014, quando marcou R$ 1,39 bilhão, prejudicado pelo feriado da Independência nos EUA. A única outra vez que o giro ficou abaixo de R$ 2 bilhões antes disso foi em 26 de dezembro de 2011 (R$ 1,29 bilhão). "Final de ano sempre tem aquele famoso movimento de 'embelezar carteiras'. Vamos ver até onde a Bolsa consegue subir em cima de nada", comenta o operador de uma corretora paulista.
Com os maiores mercados asiáticos, europeus e americanos fechados nesta segunda-feira, só operou quem precisa fazer pequenos ajustes de posições ou estava muito desesperado para cumprir metas, acrescenta outro participante. Ainda assim, há quem veja algum motivo para otimismo. O estrategista da Azimut Brasil Wealth Management, Paulo Eduardo Nogueira Gomes, aponta que a pesquisa Focus, do Banco Central, trouxe números melhores para inflação e Selic.
"Com juros menores os investidores tendem a sair da renda fixa e buscar retorno na Bolsa. Além disso, esse movimento pode aliviar também as dívidas das empresas - especialmente as industriais - e favorecer o consumo", comento o analista.
Ele aponta ainda que a projeção para a balança comercial brasileira também melhorou, o que ajuda as empresas exportadoras. A projeção para o PIB de 2017, no entanto, caiu pela décima semana consecutiva, recuando de 0,58% para 0,50%. "O governo conseguiu criar um clima um pouco melhor desde o pacote microeconômico anunciado na semana passada", opina.
Entre as blue chips, Petrobras (ON +0,97% e PN +1,26%), Vale (ON +3,18% e PN +2,47%) e bancos (Itaú PN +0,80% e Bradesco PN +1,83%) subiram bem. Além de Vale, também apareceram na lista de maiores altas do Ibovespa: Bradespar PN (+3,70%), Gerdau PN (+3,11%) e Suzano PN (+2,20%). Nas maiores baixas ficaram: Cemig PN (-1,60%), Lozaliza ON (-1,45%) e Cosan ON (-1,06%).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia