Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 25 de dezembro de 2016. Atualizado às 21h21.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Inovação

Notícia da edição impressa de 26/12/2016. Alterada em 25/12 às 22h21min

App auxilia no controle de automação predial

Usuários e gestores podem utilizar recursos da Internet das Coisas

Usuários e gestores podem utilizar recursos da Internet das Coisas


HONEYWELL/DIVULGAÇÃO/JC
As mesmas facilidades que os usuários encontram hoje para chamar um táxi ou pedir comida pelo seu smartphone poderão ser usadas também para o controle da automação predial. O Honeywell Vector Occupant App permite que os usuários e gestores de edifícios utilizem recursos da Internet das Coisas (IoT) para realizar ajustes de rotina, como regulagem de temperatura e controle de acesso. Isso será possível, por exemplo, por meio da identificação digital, que elimina a necessidade de crachás de plástico ou temporários e oferece controle de acesso pelo dispositivo móvel. Dessa forma, pode ser facilmente gerenciado pelo edifício, eliminando a necessidade de manter cartões de acesso e chaves o tempo todo. Os usuários carregam menos itens e podem abrir portas de uma distância maior do que os cartões e chaves tradicionais.
Outra funcionalidade é o ajuste de temperatura, uma forma mais rápida de informar quando a área de trabalho está muito quente ou fria. O gerente do edifício recebe imediatamente uma mensagem sobre o desconforto no ajuste, visualiza a localização da chamada e rapidamente pode fazer o ajuste para atender ao usuário.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia