Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 28 de dezembro de 2016. Atualizado às 21h53.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Roberto Brenol Andrade

Palavra do Leitor

Notícia da edição impressa de 29/12/2016. Alterada em 28/12 às 22h51min

Controle de natalidade

O controle de nascimento de humanos é urgente. Diminuirá a poluição no planeta; regularizará o emprego; diminuirá a violência; haverá mais moradias e escolas; sustará o desequilíbrio com outras formas de vida animal e vegetal. Ah, mas e o mercado? Este se adaptará a um novo patamar de consumo, com certeza. Espero que esta opinião atinja seu objetivo e traga à tona os seus contrários, junto com os seus argumentos. Até o nosso Papa Francisco, investido de toda a sua autoridade e respeitabilidade, condena "a reprodução que nem coelhos". (Jorge Crispim, urologista)
Celulares de São Borja
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia