Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 13 de dezembro de 2016. Atualizado às 19h45.

Jornal do Comércio

JC Contabilidade

COMENTAR | CORRIGIR

Entrevista

Notícia da edição impressa de 14/12/2016. Alterada em 13/12 às 20h47min

Certificação digital passa a ser obrigatória em 2017

Julio Cesar Mendes, gerente comercial da Soluti Crédito Soluti Divulgação

Julio Cesar Mendes, gerente comercial da Soluti Crédito Soluti Divulgação


SOLUTI /DIVULGAÇÃO/JC
Roberta Mello
A partir de 1 de janeiro de 2017, empresas com mais de três empregados que integram o Simples Nacional devem ter certificado digital para cumprir as determinações e obrigações junto ao governo - entre elas, entrega da guia do recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social (GFIP), bem como de declarações relativas ao Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas - eSocial. Sem o certificado digital, enviar as informações trabalhistas, fiscais e previdenciárias ao governo ficará mais complicado.
A função do certificado digital é justamente dar mais segurança ao envio de dados. A ferramenta, que é criptografada, tem na assinatura digital a mesma validade jurídica da assinatura feita de próprio punho.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia