Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 21 de novembro de 2016. Atualizado às 22h08.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

França

Notícia da edição impressa de 22/11/2016. Alterada em 21/11 às 22h44min

Ação contra o terrorismo prende sete e desarticula potencial ataque

A polícia antiterror da França realizou a prisão de sete pessoas em Marselha, na costa do Mar Mediterrâneo, e em Estrasburgo, na fronteira com a Alemanha, e desarticulou o que o Ministério do Interior qualificou como um novo ataque potencial no país. O ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, disse que seis dos suspeitos detidos não eram conhecidos dos serviços de inteligência, até essa investigação.
O ministro do Interior afirmou que as prisões de domingo impediram "um ato terrorista que era considerado há muito tempo". Cazeneuve não identificou o alvo do plano de ação terrorista. As prisões ocorrem cinco dias antes da abertura do famoso mercado de Natal em Estrasburgo, que atrai turistas de toda a Europa e foi alvo de um fracassado plano de ataque extremista há 16 anos.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia