Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 03 de novembro de 2016. Atualizado às 16h28.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

grêmio

03/11/2016 - 17h28min. Alterada em 03/11 às 17h32min

Árbitro relata na súmula ida de filha de Renato Portaluppi ao campo na Arena

Carol sentou no banco de reservas e, ao fim do jogo, correu para abraçar o pai

Carol sentou no banco de reservas e, ao fim do jogo, correu para abraçar o pai


Lucas Uebel/Gremio FBPA/Divulgação/JC
Agência O Globo
Um momento de carinho entre pai e filha pode causar uma punição ao Grêmio no futuro. No final do empate em 0 a 0 entre Grêmio e Cruzeiro, pela semifinal da Copa do Brasil, Carol Portaluppi, filha de Renato Portaluppi, foi ao gramado ainda com o jogo em andamento. Sentou no banco de reservas e, ao fim do jogo que garantiu o time gaúcho na decisão do torneio contra o Atlético-MG, correu para abraçar o pai e comemorar a vaga na final (o Galo se classificou no empate em 2 a 2 com o Internacional no Estádio Independência, em Belo Horizonte).
Só que a sua presença no gramado e no banco de reservas não era permitida. E o árbitro Thiago Duarte Peixoto relatou o incidente na súmula. Segundo o juiz, Renato chamou a filha no gramado da Arena antes do apito final e foi impossível retirá-la do local porque logo depois a partida foi encerrada. Assim registrou o árbitro na súmula:
"Informo que ao final da partida, constatei a presença da Sra Carol Portaluppi dentro do campo de jogo. Cabe salientar, que após o término do jogo, fui informado pelo inspetor da partida, Sr Nilson de Souza Monção e pelo quarto árbitro, Sr Francisco Silva Neto que a referida adentrou as imediações do campo de jogo a poucos segundos do término da partida, chamada pelo seu pai, Sr Renato Portaluppi, técnico da equipe do Grêmio, sentando no banco de reservas. Não havendo tempo hábil para retirá-la pois a partida se encerrou, a mesma adentrou o campo de jogo".
Ainda não se sabe se o Grêmio pode sofrer algum tipo de punição por conta da "invasão" de Carol no gramado da Arena. A jovem sempre se disse um amuleto do treinador gremista e acabou sendo uma das protagonistas da comemoração do Grêmio pela vaga na final. No gramado, ela recebeu carinho e beijos jogados no ar de torcedores gremistas.
Ao sair do gramado de mãos dadas com o pai, o acompanhou até a sala onde Renato deu entrevista coletiva. E acompanhou toda a entrevista do pai.
"O mais importante de tudo foi que o Grêmio conseguiu o objetivo de chegar à final. Sabíamos que íamos encontrar um adversário muito difícil. Hoje o Mano (Menezes) armou o Cruzeiro muito bem. Só que o Grêmio jogou 180 minutos, e o Cruzeiro, só 90. Pagou por isso. Temos que agradecer às mais de 50 mil pessoas que vieram à Arena, apoiaram muito. Essa classificação eu dedico à nossa torcida", disse o técnico.
O rival do Grêmio será o Atlético-MG, e a decisão será a quinta do técnico Marcelo Oliveira, que se igualou a Luiz Felipe Scolari como o treinador com o maior número de finais de Copa do Brasil.
"É muito importante e gratificante. Não é fácil chegar a tantas finais com times diferentes. Tanto no Cruzeiro, no Palmeiras, e até no Coritiba, se falaram muito do elenco, mas depois que nós passamos por esses times, eles não conseguiram chegar à final da Copa do Brasil", disse.
O primeiro jogo da final será no dia 23 de novembro, com local a ser definido em sorteio na CBF nesta sexta-feira (a última partida acontecerá uma semana depois, no dia 30). Até lá, os times voltam suas atenções para a disputa do Campeonato Brasileiro. No domingo, o Atlético visita o Coritiba, no Couto Pereira. Já o Grêmio joga na segunda-feira, na Arena do Grêmio, contra o Sport.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia