Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 17 de novembro de 2016. Atualizado às 23h05.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Negócios Corporativos

Notícia da edição impressa de 18/11/2016. Alterada em 17/11 às 23h53min

Venda da Liquigás foi confirmada pela Petrobras

Em 2015, empresa registrou uma receita líquida de R$ 3,3 bilhões

Em 2015, empresa registrou uma receita líquida de R$ 3,3 bilhões


LIQUIG/DIVULGAÇÃO/JC
A Petrobras informa que seu conselho de administração aprovou, nesta quinta-feira, a venda da Liquigás Distribuidora para a Ultragaz, subsidiária da Ultrapar Participações. O valor total da venda é de R$ 2,8 bilhões e será corrigido pelo Certificado de Depósito Interbancário (CDI) entre as datas de assinatura e de fechamento da operação. O montante ainda estará sujeito a ajustes em razão das variações de capital de giro e da posição da dívida líquida da Liquigás entre 31 de dezembro de 2015 e a data de fechamento da transação.
A Liquigás é subsidiária integral da Petrobras e atua no engarrafamento, distribuição e comercialização de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP). "A operação, conduzida através de processo competitivo, é parte integrante do Plano de Desinvestimentos 2015-2016 e está alinhada ao Plano Estratégico da Companhia, que visa otimizar o portfólio de negócios, com foco em óleo e gás, saindo integralmente das atividades de distribuição de GLP", afirma a Petrobras em fato relevante.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia