Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 04 de outubro de 2016. Atualizado às 22h28.

Jornal do Comércio

Opinião

COMENTAR | CORRIGIR

Artigo

Notícia da edição impressa de 05/10/2016. Alterada em 04/10 às 20h03min

De portas abertas para a qualidade

Paulo Camargo
Neste mês de setembro, o setor de serviços comemorou duas datas importantes: o Dia do Código de Defesa do Consumidor e o Dia do Cliente. O primeiro dá apoio para que o segundo faça valer os seus direitos. E nós, que trabalhamos pela qualidade e transparência das relações comerciais, nos dedicamos a seguir e a atender ambos.
E não há como fazer diferente. Primeiro, porque o cliente não tolera mau atendimento e não sobreviveríamos em um ambiente cada vez mais exigente. Segundo, porque a hospitalidade e a qualidade estão em nosso DNA. Servimos diariamente 1,8 milhão de clientes, em quase 900 restaurantes localizados em todo o País. Não fosse por esses pilares - atendimento e boa comida - nosso negócio não seria sustentável.
Fazemos isso em diversas frentes, como treinamento, qualidade e transparência. Há quase 40 anos no País, já capacitamos mais de 1,5 milhão de pessoas tanto para as funções operacionais, quanto para valores como trabalho em equipe, comunicação, liderança e hospitalidade. Há espaço para melhorias? Sempre. Somos líderes e trabalhamos para continuar liderando. Nosso SAC, por exemplo, recebe mensalmente manifestações que equivalem a 1% dos nossos atendimentos. É um número confortável? Não. Nosso objetivo é zerar as reclamações.
Não há o que esconder. Nossas portas são abertas. Literalmente. Diariamente, nosso programa "Portas Abertas" recebe centenas de pessoas.
Fazemos isso, pois temos orgulho da nossa gente, dos processos e da comida que preparamos e servimos.
No mês do consumidor, reforçamos essa prática e fizemos, no dia 27 de setembro, o Dia Internacional do Portas Abertas. Nessa data, todos os restaurantes, de toda a América Latina, estavam empenhados em dobrar a quantidade de clientes que visitam nossas cozinhas. E dobrar nosso orgulho em receber e fazer direito. Este é o McDonald's!
Presidente da Divisão Brasil da Arcos Dorados, franquia que administra a marca McDonald's no Brasil
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia